quarta-feira, 13 de maio de 2009

Sou falha, mas seu amor é grande.

Senhor, quando achei
Que andava de acordo com sua palavra
Que vivia segundo a sua graça
Que era obediente e fiel
Aí descobri que era falha.

Meu Deus, quando me esforcei
E fui tolerante com os demais
Perdoei quem me agredia
Perdia perdão para quem me ofendia
Aí percebi que era falha.


Deus eterno, quando lhe dava graça
E orava, e lia tua palavra, e servia com mansidão
Aí, sim, percebi que era falha.


Senhor meu Deus, quando falhei
E achei que não tinha mais volta
Foi ai que descobri o PAI
Amoroso, hospitaleiro, perdoador
Que ME AMA como eu sou
Não porque me queria perfeita
Mas me quer por perto
Me esforçando.

Obrigada, Senhor, pois tu es FIEL A MIM.
.
Publicado no Recanto das Letras em 11/05/09
Código do texto: T1588502
.

6 comentários:

©tossan disse...

Uma oração poética, linda e profunda ao criador! Amém! Beijo

Uma aprendiz disse...

Amém, tossan

obrigada pela visita.

beijo

O Profeta disse...

Um Violoncelo reage ao toque
Vibram as cordas, solta-se a melodia
Das mãos escultoras das notas
Saem afagos de sonora magia

Uma alma reage aos acordes
Um coração bate ao compasso
Uma voz entoa dolentemente
Um corpo deseja o abraço



Um feliz fim de semana


Doce beijo

Uma aprendiz disse...

Obrigada, Profeta

um lindo final de semana pra ti.

bj

Ana Maria Ribas disse...

Fiquei muito feliz com o sucesso do seu blog, amiga! Entrei de um jeito, saio de outro: edificada! Feliz também por estar participando dessa bênção. Interagindo. Trabalhando para a instalação do reino de Deus na terra. Grande abraço: forte, apertado, intenso. Como a nossa amizade.

Uma aprendiz disse...

Obrigada, Ana

sinto muita falta de nossos papos.

Não suma.

beijos